Crítica de filme: Lanterna Verde

26.6.12

Lanterna Verde
Titulo Original: Green Lantern
Direção: Martin Campbell
Distribuição: Warner Bross Pictures
Sinopse: Hal é um piloto de teste na empresa de aviões Ferri. Tem sua vida mudada de uma hora para outra quando é escolhido pelo o anel, o que o torna mais um lanterna verde.


Ps: A critica a seguir contém a opinião de uma pessoa que não entende de quadrinhos, que avaliou o filme por si só. Sem tomar como base a real história do Lanterna Verde.


Eu me coloquei a assistir todos os filmes de "super-heróis" , o único que ficou faltando fora justamente Lanterna Verde, personagem que pessoalmente nunca foi do meu feitio gostar. Mas, quis analisar se o filme era realmente ruim como os grandes entendedores do assunto diziam. As críticas variavam desde a escolha de Ryan Reynolds até o roteiro do longa. Eu particularmente não entendo muito de quadrinhos, a única coisa que sei é que em todo quadrinho existem universos que podem ou não ser explorados nesses filmes de adaptação, porém você deve escolher com exatidão com universo escolher para seu filme não ficar desconexo e sem sentido. Também sei que existem os heróis da Marvel (Os vingadores) e os da DC comics (Lanterna Verde) nos quadrinhos eu não posso julgar qual deles são os melhores afinal eu não li, mas as adaptações mais bem feitas são as da Marvel por assim dizer. 
O filme se inicia com uma introdução a história da origem de Oa o planeta os lanternas verde. Depois vemos a vida de Hal (Ryan Renolds) um piloto de avião de testes da empresa Ferri. Hal vive tentando seguir a filosofia de seu pai que é a de não ter medo de nada. Sua vida de fracassado segue bem, se é que isso é possível até o anel o escolher após a morte de outro lanterna verde. Ele fica sem entender mas, com o desenrolar do filme ele começa a ver qual é o seu papel e como exercê-lo. Ryan faz dupla romântica com Blake Lively que apesar de ser linda, definitivamente não é uma boa atriz. O filme por si só é muito contraditório. Ele te introduz a um vilão chamado Parallax que é tão poderoso que os guardiões de Oa. tem medo dele, mas Hal um mero lanterna verde sem treinamento algum consegue destruí-lo sozinho em questão de minutos. Tudo por que a vontade dele deve ter sido grande né? Maior do que a de mais de 3600 lanternas verde. Mas, enfim. Deixando os aspectos negativos da atuação ruim de Blake, da falta de credibilidade na atuação de Ryan e das partes sem sentido do filme vamos a uma parte boa do longa. A lição que ele te passa. Ele nos ensina que para conseguirmos fazer o que for precisamos ter vontade e se nossa vontade for forte o suficiente não precisamos de um anel lanterna verde para conseguir realizar nossos sonhos e desejos, basta acreditar e não ter medo. Pois o medo enfraquece a sua vontade.


0 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário