Crítica do filme "Todo mundo em pânico 5"

Imagem
Todo Mundo em Pânico 5
Título Original: Scary Movie 5
Sinopse: Todo Mundo em Pânico 5 gira em torno do mundo da dança, com um diretor francês arrogante e distante que comanda uma companhia de dança. Jody é uma jovem de 20 e tantos anos que tem dois filhos e é amiga de Kendra. Ambas competem pelo papel principal na nova produção da companhia. Lembrou de algum filme específico? Sim, o longa é uma paródia de Cisne Negro, trazendo ainda uma veterana diva da companhia que enlouquece após ser cortada e uma mãe controladora que deseja ver a filha alcançando o sucesso que ela não teve. O roteiro foi escrito por Stephen Leff, John Aboud e Michael Colton.
Minha nota: 0/5



Não. Você não leu errado. Minha nota foi 0 de 5. De longe o pior dos piores. Eu amo Todo Mundo em Pânico. Todos nós sabemos que é uma franquia de filmes que traz histórias sem pé nem cabeça mas, que de alguma forma acabam fazendo sentido. Ele tem como proposta juntar vários filmes que fizeram sucesso e transformá-los em comédia. Eles costumam pegar filmes de terror e deixá-los de um jeito mais cômico. Fato que não ocorreu nesse quinto filme.


Eles sempre pegam uma história que será a história base para tudo acontecer - Nesse caso foi a do filme "Cisne Negro" - e depois misturam acontecimentos de outros filmes. Que eu tenha conseguido identificar foram: MAMA,Planeta dos macacos e Atividade Paranormal. 

Eu realmente esperava mais desse filme. Afinal ele esta repleto de nomes conhecidos: Lindsay Lohan, Charlie Sheen, Ashley Tisdale, Snopp Dogg e muitos outros. Porém ele foi um completo fiasco.

As histórias não tinham ligação nenhuma entre si. A atuação de TODOS estava péssima. O roteiro? Lixo puro. De pensar que usaram uns 20 milhões para fazer essa porcaria.

Todo Mundo em Pânico 5 : Foto

A cena inicial com a Lindsay e o Charlie já te faz querer desligar o filme e partir para outra. Foi muito chata e irritante. 

Se partirmos do pressuposto que uma das primeiras noticias desse filme foi justamente o fato da Lindsay não querer beijar o Charlie, já vamos entender como foi um lixo de cena. Completamente inútil e desnecessária. Diferente da dos outros que a cena inicial sempre serve de gancho para a história.

No Brasil esse filme estreia amanhã dia 14. Não assistam. Sério. Ele não vale o ingresso.

Só pra constar: Nele não vemos a Regina Hall menos ainda a Anna Faris (que fizeram parte do elenco principal dos filmes anteriores).