10.3.14

Crítica do filme: Verdade ou consequência (Triple Dog)


Título Original: Triple Dog
Ano: 2010
Dirigido por: Pascal Franchot
Sinopse: Entediadas com a vida que levam no subúrbio de uma pequena cidade, um grupo de jovens colegiais se reúne na casa de uma amiga para passar a noite e comemorar o aniversário de 16 anos de uma delas. Lideradas por Chaplin (Brittany Robertson), elas decidem participar de um ousado jogo de Verdade ou Consequência. Na medida que a dificuldade dos desafios aumenta, a tensão é elevada a níveis extremos.

Sabe aqueles filmes que o trailer finge ser uma coisa e quando você assiste é outra completamente diferente? Isso acontece com "Triple Dog"

No trailer você imagina ser um baita filme de suspense misturado com drama, bem escrito e empolgante. Mas, quando você assiste não passa de um filme clichê com nível sessão da tarde.


Ele conta a história de um grupo de amigas que resolve brincar de "Triple Dog" que aqui no Brasil seria um "Verdade ou consequência" nisso as coisas começam a desandar por conta dos desafios propostos.

O filme mescla o passado com o presente de uma forma fácil e que não te faz ficar confuso. A única coisa que eu realmente gostei desse filme foi o fato do mistério da mocinha que se jogou da ponte.


Eles contaram várias versões da história até somente no final a gente descobrir o que realmente aconteceu. Talvez se eles tivessem se focado apenas nisso ao invés de terem ido mais para a temática teenager o filme teria dado certo.

O filme lançado em 2010 e tem nomes conhecidos como Nolan Funk (Glee e Awkward) , Britt Robertson (The Secret Circle) e Brett Davern (Awkward).

MINHA NOTA: 2/5

0 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário