8.7.15

SOBRE DEIXAR DE GOSTAR DE ALGUÉM


Se tem uma coisa que é difícil de controlar essa coisa com certeza são os nossos sentimentos. Como decidir o que vamos gostar? Quem vamos deixar de gostar? Acho que simplesmente não temos esse poder.

Fiquei tanto tempo gostando de uma pessoa e eu realmente acreditava fielmente que iria gostar dele o resto da minha vida. Mas, agora eu entendi que o amor é como se fosse uma flor. Se você não cuida, ela murcha e uma hora acaba morrendo.

É algo que vai diminuindo gradativamente e de repente termina. Você não vai perceber que esta acabando até ter acabado.

Sempre que eu lembrava dele sentia aquele orgulho, aquela paixão, aquela vontade de ver e ter por perto. Agora eu sinto um vazio. Uma breve lembrança de que um dia teve amor onde hoje é apenas um buraco, sabe?

Claro que ainda lembro com carinho dos bons momentos e das boas conversas. Mas, acho graça pensar que eu tinha certeza de que iria gostar dele para sempre.

O ser humano é assim. A gente consegue se adaptar a qualquer situação desde que a gente queira. Eu quis. Eu consegui. Me adaptei a ficar sem, até agora já não faz mais falta.

As vezes me pego pensando em como tudo seria diferente se tivéssemos dado certo, porém sei que tudo acontece da forma que deve acontecer.E nada é por acaso.

3 comentários:

  1. "Nada é por acaso" mds, não tenho palavras para definir o quanto eu me identifiquei com esse texto, você escreve muito bem! Estava com saudades de visitar aqui.
    Beijos, Ariane
    www.diariodostreze.blogspot.com < (se puder visitar, ficarei grata)

    ResponderExcluir
  2. "As vezes deixar de gostar de alguém dói mais que se machucar."
    Beijos Tati<3
    www.depoisdodomingo.com

    ResponderExcluir
  3. "o amor é como uma flor..." EXATAMENTE!
    Assim como um relacionamento é uma peça de vidro, assim que uma das partes deixa quebrar a outra não consegue colar e mesmo que cole, não fica a mesma coisa.
    Passei por um fim de relacionamento a pouco menos de um ano e sofri, doeu, chorei mas me recuperei. Chega uma hora que a pessoa nem faz mais sentido para você e passamos a lembrar só das coisas boas e foi.

    Adorei o post.

    Beijão, Isa do www.isabelaseixas.com

    ResponderExcluir