REVIEW: SHADOWHUNTERS - 1X01 THE MORTAL CUP (CÁLICE LETAL)

13.1.16
Dom. Dom.Dom. Dom.

Esse postagem possui spoilers do episódio
OBS: Eu não li todos os livros. Mas, não irei analisar a série como uma adaptação literária, mas sim como uma série.
O episódio já se inicia com a nossa primeira visão dos Shadowhunters, já começamos a entender como são, como se comportam e afins.
Depois temos um pequeno salto no tempo para oito horas antes. E vemos a jovem Clary tentando entrar na escola de arte, o que é claro ela consegue.

Clary ganha alguns presentes - já que era seu aniversário de 18 anos - e um deles é uma estela. Sua mãe apenas diz que é uma relíquia de família e que elas tinham que conversar. Clary diz para conversarem depois pois ela tem que se encontrar com seus amigos.

Temos mais um salto no tempo, dessa vez voltamos dez anos onde a mãe de Clary apaga as memórias de Clary sobre todo esse universo Shadowhunter.

Voltamos ao tempo presente e Clary esta pronta para sair com seus amigos.

Vemos os Shadowhunters (Jace, Alec e Izzy) se preparando para caçar demônios que andam matando mundanos, logo em seguida voltamos a Clary e Simon pintando a van de Simon.

Dai notamos que eles estão na frente do Pandemonium onde Jace esbarra em Clary e fica assutado por ela conseguir ver ele. Dai ela comenta sobre ele com seus amigos e eles dizem que não o viram o que a faz querer entrar no Pademonium logo em seguida de Jace.

Clary acaba impedindo Jace de matar um demônio por que pensou que ela era apenas uma moça indefesa, dai começa uma luta entre os shadowhunters e os demônios e Clary fica com aquela cara de: Oi?



Resolve ir embora e conta tudo para sua mãe.Clary acha que foi drogada ou algo do tipo. Quando sua mãe ia contar o que tudo aconteceu - realmente - chega gente para caçar sua mãe - já que ela esta com o cálice que eles querem - e Clary é mandada para outro lugar.

Nisso ela descobre que talvez Luke - um antigo amigo da família - talvez não seja mais tão confiável assim. Ela resolve voltar para sua casa onde é atacada por um demônio sorte que Jace chega e a salva, acaba a levando para onde os Shadowhunters vive o que parece ser uma igreja antiga (segundo Simon).

O episódio se encerra deixando várias perguntas em aberto. Ainda mais se você como eu não está totalmente familiarizado com a história.

Esse primeiro episódio foi praticamente uma segunda versão mais detalhada do filme. Quem já viu o filme não terá muitas surpresas.

Quando li o livro - só li o primeiro há muitos anos e quase não me lembro de mais nada - eu imaginei os personagens exatamente como eles são na série. Quando assisti o filme não gostei da escolha dos atores,a gora a série vem me agradando desde as primeiras fotos promocionais.

Achei que a série por enquanto tá com uma pegada juvenil demais, quando os personagens já são adultos. Mas, como esse é apenas o primeiro episódio creio que a série ainda vai encontrar o seu tom para os demais episódios e temporadas.

Gostei da química dos personagens, todos os atores estão de parabéns menos é claro o coitado que faz o Simon. Ele é chato no livro, foi chato no filme e está mais chato ainda na série.

Achou que os termos foram jogados na review sem explicação nenhuma como se todo mundo aqui já soubesse tudo? Eu também. Mas, o episódio foi assim. Um monte de palavras que nunca ouvimos na vida sendo jogadas. Igualzinho com a Clary. Ela não sabe de nada. Então nós também não sabemos de nada. Vamos ir aprendendo sobre esse mundo juntamente com ela. O que no filme me deixou confusa, mas na série deu pra entender.

Pra quem quer saber no Brasil a série esta sendo exibida na Netflix.

toda quarta antes das 13:00 você confere reviews fresquinhas de Shadowhunters

4/5

0 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário