10.2.16

REVIEW: SHADOWHUNTERS 1X05 MOO SHU TO GO


Essa postagem possui spoilers do episódio.

O episódio se inicia com Clary contando a 'visão' que teve de Valentine com sua mãe depois de ter tocado em seu colar.

A mãe de Izzy e Alec aparece pela primeira vez no instituto delegando missões para eles. Tudo por que os Seelies pararam de dizer o que estavam fazendo. Izzy diz que sabe como falar com eles então ela manda Izzy ir com o Jace ver o que esta acontecendo.

Alec fica encarregado de olhar Clary. Porém Clary se lembra de uma caixa que sua mãe sempre pegava e resolve que esse pode ser um bom jeito de entender onde sua mãe esta. Ela tenta convencer Alec a ir até seu apartamento com ela,mas ele disse que não vai sair em missão nenhuma sem permissão. O telefone dele toca adivinha quem é? MAGNUS! O convidando para sair, acredita? Mas, no meio da conversa Alec se dá conta que Clary fugiu. Dai ele desliga o telefone quase na cara do Magnus.



Alec a encontra e ele vai junto com ela - Simon também - até o apartamento onde ela morava. Quando eles finalmente encontram a tal caixa Alec ouve um barulho do lado de fora e resolve sair para ver se esta tudo bem nisso Clary e Simon são sequestrados por Alaric - aquele lobisomem que trabalha com o Luke - eles o sequestram pelo mesmo motivo de todo mundo, para tentar fazer a Clary dizer onde esta o Cálice.

Mesmo ela dizendo que não sabe eles continuam a ameaçando. Eles resolvem prender Simon em um cativeiro, mas Simon consegue escapar e ligar para pedir ajudar. Nisso Alec, Jace e Izzy conseguem chegar no local e resgatar Clary.

O episódio em si não nos deu muitas respostas sobre os mistérios da série. Ele foi cheio de chiliques do Alec e meio que deu a entender que o Simon esta virando um vampiro. Oi?

Eu particularmente estou gostando da série apesar dos pesares e sempre fico ansiosa para os próximos episódios é normal quando a série ainda esta na primeira temporada ela ser meio "vazia" no sentido de não ter episódios super marcantes ou algo assim, tudo é sempre uma explicação de algo que foi mencionado anteriormente e blá blá até nos acostumarmos com o linguajar da série e entrarmos no ritmo desse novo mundo. O mundo Shadowhunter.

3/5

2 comentários:

  1. Oi, tudo bem?
    Então esse não é O Episódio ainda, mas a partir deste eu acho que as coisas podem começar a melhorar, porque na minha opinião este foi que mostrou a "personalidade" dos personagens e mais ou menos como as coisas se desenvolvem no livro, por exemplo, tivemos Luke como líder da matilha de lobisomens (eu acho que no Luke a série acertou! Eu gostei até dele ser policial!), tivemos Clace como é realmente (com o Jace colocando a Clary "acima" de tudo e ouvindo apenas ela e sendo irritante de vez enquanto), tivemos os personagens correndo para a casa do Magnus sempre que tem alguém ferido ou estão fugindo (pq isso realmente é assim nos livros), tivemos uma Marise carrasca e arrogante ao mesmo tempo (mesmo que na minha opinião ela tenha aparecido cedo demais), tivemos o vislumbre de um começo de relação despretensiosa do Simon com a Izzy (e isso pode funcionar de uma forma fantástica na série), tivemos a criação de regenerados (e mostraram isso de uma forma bem condicente com o Valentim dos livros), tivemos a caixa J.C (e com exatamente os mesmos objetos que o livro cita), e como você falou tivemos o vislumbre de um principio de Simon vampiro e a ligação do Magnus para o Alec (apesar de que neste ponto eu preferia que fosse o Alec a procurar o Magnus igual ao livro, mas já estou conformada).
    Bem por esses motivos no geral acho que esse foi um episódio bom se comparado a alguns outros. Já desisti de ficar esperando acontecimentos iguais aos do livro (por isso fiquei feliz dos personagens terem ao menos a mesma "personalidade"), pois a série pode sim seguir um rumo próprio. Mas algumas coisas ainda me incomodam bastante na série... Agora é só torcer que melhore né?!
    Adorei o seu blog! Parabéns
    bjs

    ResponderExcluir