4.8.16

CRÍTICA DO FILME: CONEXÃO ESCOBAR


A convite da Imagem Filmes nós já conferimos o filme "Conexão Escobar"

LIVRE DE SPOILERS

Baseado em fatos reais "Conexão Escobar" conta a história de um oficial da alfândega dos EUA, Robert Mazur, que tem a missão de se infiltrar no maior cartel de drogas colombiano usando a identidade de Bob Musella, que é um empresário especializado em lavagem de dinheiro.

Mazur consegue se tornar amigo de Roberto, um dos homens de confiança de Pablo Escobar — o principal fornecedor de drogas dos EUA.

Pra quem assistiu Breaking Bad vai perceber muitas semelhanças na história, inclusive quem protagoniza o agente Mazur é o ator Bryan Cranston, que fez o Walter White na série. Coincidência não?


Outros personagens em destaque são: o agente Emir Abreu e a agente Kathy Ertz que se passará pela noiva de Bob Musella.

O figurino e a ambientação anos 80 são pontos positivos no filme. Os traficantes mais poderosos dirigem carros luxuosos e possuem mansões imensas e caras, sem contar os anéis e correntes de ouro.

Porém uma grande falha foi o roteiro, que não conseguiu convencer com as fracas motivações dos personagens na hora da solução dos problemas.

Mas apesar disso os momentos tensos e dramáticos acabam fazendo o filme valer o ingresso.

No elenco principal, além de Bryan Cranston, temos John Leguizamo como o agente Emir Abreu, Diane Kruger como a agente Kathy e Benjamin Bratt como Roberto Alcaino.

O longa estreia no dia 15 de Setembro nos cinemas brasileiros.

3/5

0 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário