3.8.16

CRÍTICA DO FILME: O NEGÓCIO DAS ARÁBIAS


O pessoal do Vitamina Nerd INVADIU nosso blog para trazer pra vocês uma crítica incrível e LIVRE DE SPOILERS do novo filme do Tom Hanks!

Tom Hanks — esforçado como sempre — é Alan Clay, um homem de negócios falido que procura recuperar suas perdas financeiras e pessoais, viajando para a Arábia Saudita, a fim de vender uma espécie de "Skype Holográfico" para o Rei, que está construindo um enorme complexo no meio do deserto.

As situações em que Alan se vê confrontado com a cultura local, tão diferente do mundo ocidental, são as melhores coisas do filme e o personagem do motorista Yousef, interpretado com maestria por Alexander Black, é simplesmente hilário. Pena que no terço final do filme ele desapareça quase que completamente e a partir daí o longa perca a força e a direção.


O que era comédia leve sobre um homem perdido no mundo — em todos os sentidos—, se torna um moroso drama romântico de uma hora pra outra e você meio que se pergunta o que foi que aconteceu no caminho. Não dá pra entender os motivos que levam o casal — que não vou revelar quem é a mulher para não dar "Spoilers" — a se unir e muito menos dá "pra comprar" o fato de que eles tenham uma atração tão grande, que valha a pena arriscar as suas próprias vidas em nome dela.

Não conhecendo a obra original em que o filme se baseia, fica difícil saber se esse problema se origina dele. Mas o fato não exime o diretor de culpa, já que ao adaptá-la, inclusive escrevendo o roteiro do filme, ele poderia corrigir e balancear a história na sua versão.

Tom Tykwer é um ótimo diretor e ainda vai fazer grandes filmes, mas enquanto ele não conseguir se conter e se focar em contar apenas uma história por vez, nós vamos continuar assistindo a seus filmes como se estivéssemos em uma montanha russa muito, muito chata!

O filme estreia amanhã dia 04/08 no Brasil ♥

3/5

*Essa crítica foi escrita por Rogério Montanare do Vitamina Nerd, viu? Que tal vocês acessarem as redes deles? 

0 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário