REVIEW: PRETTY LITTLE LIARS - 7X11 PLAYTIME #PLLEndGame

20.4.17

Pretty Little Liars voltou essa semana nos EUA com episódios inéditos da segunda parte de sua sétima e ÚLTIMA temporada.

POSSUI SPOILERS DO EPISÓDIO

Primeiramente precisamos pedir desculpas pela review que deveria ter sido postada ontem, mas devido há alguns imprevistos estamos a postando hoje. Prometemos que semana que vem ela será postada na quarta-feira, viu?

Quem ai estava ansioso para o retorno de PLL, somos suspeitos pra dizer por que o nosso coração fangirl pula pra fora quando o assunto é essa série. Ainda mais tendo em vista que eu (vulgo dona do site) já tive a chance de conhecer QUATRO atores do elenco (Veja aqui e aqui) e ainda por cima ir até o estudio da Warner em L.A e ficar pertinho da onde eles gravaram algumas cenas da série. Então é muito amor pela série sim! 

O que eu mais gosto em PLL são os figurinos e a fotografia da série, que na minha humilde opinião são ótimas, além de ter uma excelente sonoplastia e eles saberem exatamente como dosar o tom da série sem deixá-la exagerada em ponto nenhum. 

O retorno da série acabou sendo melhor do que eu imaginava, a gente sabe que retornos costumam ser bem fraquinhos, e sempre acabam sendo com episódios introdutórios para situar a gente em que pé a história parou e o que devemos esperar dos episódio a seguir, e apesar de 'Playtime' ter sido assim, ele conseguiu ter uma boa história e desenvolvimento e nos manter entretidos do inicio ao fim.


O episódio se inicia a partir do acidente de Spencer e a revelação de "Mary Drake' dizendo ser sua mãe. Porém não sabíamos se essa informação era verdadeira até Spencer confrontar sua mãe — ou pelo menos a pessoa que a gente ficou sete temporadas achando que era sua mãe — e ela afirmar que sim. Mary Drake é sua mãe. Ela ainda conta que Spencer lhe foi entregue ainda bebe quando Mary Drake estava internada e Radley, ao que tudo indica seu pai dormiu com Mary por ter a confundido com Jessica. Bafo né?

Além disso o episódio revela o mais novo e macabro presente de A.D, aconteceu aquela velha história de 'Ai meu Deus finalmente estamos livres da A.D' e dai BANG! Vem um presente dizendo que não! A.D ainda está por ai, mesmo com a morte de Noel. Agora as liars estão tentando entender se Noel realmente era A.D ou se simplesmente trabalhava para a A.D real, e qual é o papel de Jenna em tudo isso.

*No final do episódio naquela cena tradicional onde temos uma 'pista' de quem pode ser a vilã, vemos Jenna recebendo um caderno com coisas escritas em braile que explica o Endgame*

Esse Endgame é um jogo que as liars receberam de presente de A.D é uma espécie de jogo de tabuleiro que tem a Rosewood inteirinha em pecinhas e o jogo interage com um celular que fica posicionado no centro. Ao que parece o jogo é um verdade ou consequencia macabro que a cada jogada após completar o que for pedido as liars ganham uma recompensa e uma peça de quebra-cabeça para ser posicionada — já to curiosa pra ver o que esse quebra-cabeças vai formar no final de tudo.


O caso é que quando elas receberam esse presente elas decidiram que não iriam jogar. Porém depois de Spencer descobrir que sua mãe não era sua mãe, ela acaba querendo jogar para ver se consegue alguma resposta. Nisso ela escolhe 'consequência' e A.D a desafia ir visitar Toby — Toby e sua esposa (Ela ainda é esposa dele minha gente??) sofreram um acidente e estão no hospital. Toby já passa bem, mas sua amada está em coma.

Ela o visita e rola o maior climão. Nenhum dos dois sabe ao certo como se tratarem... Mas, no final tudo da certo e quando ela volta pro celeiro sua recompensa é uma carta que parece ter sido escrita por Mary Drake há muitos anos quando ainda estava em Radley endereçada e ela, sua filha.

Na carta Mary se desculpa por estar a abandonando e deseja que ela um dia possa a perdoar. Quando Spencer conta para as outras liars que jogou elas ficam furiosas, e Hanna decide que irá quebrar o joguinho todo. Mas, foi só ela ameçar levantar uma faca para o tabuleiro que uma sirene começou a tocar e o vídeo delas mexendo no corpo de Rollins foi exibido na tela do celular — aquele que eu disse que ficava posicionado no centro do jogo lembra?

Depois disso aparece uma frase dizendo que elas NÃO PODEM parar de jogar, e que a vencedora LEVA TUDO

Algumas partes não tão importantes mas, que aconteceram e que merecem ser comentadas:


  • Ezra volta pra casa e diz que ainda não conversou com Nicole sobre a sua situação atual, até ai tudo bem compreensível né? Mas, dia os pais da Nicole ligam pra ele e ele larga a Aria e vai para Nova Iorque acudi-la. (assim não dá pra te defender né migo?)
  • Hanna e Caleb estão juntissímos e ele a incetiva a voltar para sua carreira no mundo da moda. Mona também quer ajudar e rapidinho consegue um job pra Hanna. As duas acabam tendo uma leve discussão que foi resolvida rapidamente e parece que pelo menos a vida de alguém está boa!
  • Ali continua sendo a bad bitch de sempre. Foi só ver que Paige começou a trabalhar na escola que ela começa a destilar seu venendo. Emily tenta defendê-la mas, depois se dá conta que tudo que Ali faz é para chamar atenção pra si. E acaba a deixando de lado de novo. 

Estou ansiosa para os próximos episódios, apesar de serem os finais da série. Prevejo muito tiro, porrada e bomba!

Só espero que não deixem meu OTP Ezria morrer.

4/5

0 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário