CINCO FILMES ASSUSTADORES PRA VOCÊ ASSISTIR NO 'HALLOWEEN'

23.10.17

É verdade que o Brasil não tem o Halloween como uma data comemorativa mas, com a globalização, a festividade se populariza cada vez mais em nosso país. Para quem não sabe, há a teoria de que a origem das comemorações do Halloween tenha surgido entre o povo celta, através das festividades pagãs do fim do período de verão e início do inverno, o “Festival de Samhain”, que acontecia no final do mês de outubro. 

Acreditava-se que nesta data, os espíritos dos mortos regressavam para visitar as suas casas e também poderiam surgir assombrações para amaldiçoar os animais e as colheitas. Todos os símbolos utilizados pelos celtas tinham como objetivo afastar os maus espíritos. Nossa equipe, entretanto, dará dica de cinco filmes que deixarão esses espíritos bem pertinho de vocês:

IT - UMA OBRA PRIMA DO MEDO (1990)


Derry, no Maine, é uma pacata cidade que foi aterrorizada 30 anos atrás por um ser conhecido como "A Coisa". Suas vítimas eram crianças, portanto se apresentava na maioria das vezes como o palhaço Pennywise (Tim Curry). Com esta forma ele reaparece, 30 anos depois. Quem sente sua presença é Michael Hanlon (Tim Reid), um bibliotecário e único de um grupo de sete amigos que continuou morando em Derry. Assim ele liga para Richard Tozier (Harry Anderson), Edward Kaspbrak (Dennis Christopher), Stanley Uris (Richard Masur), Beverly Marsh (Annette O'Toole), Benjamin Hanscom (John Ritter) e William Denbrough (Richard Thomas), pois todos os sete quando jovens, viram "A Coisa" e juraram combatê-la, caso surgisse outra vez. Porém este juramento pode custar suas vidas.

Diferente da sua nova versão, da qual você pode conferir nossa crítica, It - Uma Obra Prima do Medo foi um telefilme. Com duração de 3h12min, toda a obra de Stephen King foi abordada, então temos os personagens como crianças e, posteriormente, como adultos. Essa é sua maior desvantagem em relação ao seu remake, pois a história perde o ritmo com essa abordagem. 


PÂNICO (1996)


Sidney Prescott (Neve Campbell) começa a desconfiar que a morte de dois estudantes está relacionada com o falecimento da sua mãe, há cerca de um ano. Enquanto isso, os jovens da pacata cidadezinha começam a receber ligações de um maníaco que faz perguntas sobre filmes de horror. Quem erra, morre. As perguntas seguem uma lógica que será desvendada numa grande festa escolar.

Pânico foi creditado com a revitalização do gênero de terror nos anos 1990, que estava sendo considerado como "quase morto". O sucesso de gerou mais três sequências e um seriado, embora apenas Pânico 2, lançado em 1997,  tenha atingido um nível de sucesso comercial e crítico igual ao filme original. 


A BRUXA DE BLAIR (1999)

Três estudantes de cinema embrenham-se nas matas do estado de Maryland para fazer um documentário sobre a lenda da bruxa de Blair e desaparecem misteriosamente. Um ano depois, uma sacola cheia de rolos de filmes e fitas de vídeo encontrada na mata. As imagens registradas pelo trio dão algumas pistas sobre seu macabro destino.

Durante a realização das filmagens, os diretores Daniel Myrick e Eduardo Sanchez utilizaram um método incomum: deram o mínimo de material para os atores e os deixaram na mata, cada um com uma câmera de vídeo. A produção do filme apenas entrava em contato com os atores ocasionalmente e através de bilhetes que diziam o que cada um devia fazer. O objetivo ao utilizar este método foi transmitir o máximo de veracidade possível, já que nem os atores sabiam direito qual era o enredo do filme e o que aconteceria com eles.

O EXORCISMO DE EMILY ROSE (2005)

Emily Rose (Jennifer Carpenter) é uma jovem que deixou sua casa em uma região rural para cursar a faculdade. Um dia, sozinha em seu quarto no alojamento, ela tem uma alucinação assustadora, perdendo a consciência logo em seguida. Como seus surtos ficam cada vez mais frequentes, Emily, que é católica praticante, aceita ser submetida a uma sessão de exorcismo. Quem realiza a sessão é o sacerdote de sua paróquia, o padre Richard Moore (Tom Wilkinson). Porém Emily morre durante o exorcismo, o que faz com que o padre seja acusado de assassinato. Erin Bruner (Laura Linney), uma advogada famosa, aceita pegar a defesa do padre Moore em troca da garantia de sociedade em uma banca de advocacia. À medida que o processo transcorre o cinismo e o ateísmo de Erin são desafiados pela fé do padre Moore e também pelos eventos inexplicáveis em torno do caso.
Emily Rose foi inspirada na história de Anneliese Michel, uma jovem católica alemã que morreu em 1976, depois de tentativas frustradas de realizar um exorcismo nela com drogas psicotrópicas. Dois padres envolvidos no exorcismo, bem como seus pais, foram considerados culpados de homicídio resultante de negligência e recebeu pena de prisão (que foi suspensa), gerando controvérsia. O filme é baseado no livro O Exorcismo de Anneliese Michel, de Felicitas Goodman.

INVOCAÇÃO DO MAL (2013)

Antes de existir Amityville, havia Harrisville. Baseado em uma história real, Invocação do Mal narra a investigação empreendida por Ed e Lorraine Warren (Patrick Wilson e Vera Farmiga), mundialmente conhecidos, chamados para ajudar a família Perron, que estava sendo assombrada por fenômenos sobrenaturais. 

As sequências do lar de Ed e Lorraine Warren foram filmadas em uma casa de verdade, decorada pela designer de produção Julie Berghoff com um tapete e papel de parede que remetem aos anos 70. Apesar das lembranças dolorosas, Roger Perron e seus cinco filhos foram ao local das filmagens.
A lista te deixou com calafrios? Pois é. Pegue sua pipoca e o cobertor, mas não esqueça: cubra bem os pés pois nunca se sabe...

0 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário