Gossip Girl | Tudo sobre o reboot que gerou polêmica na Web

Imagem


       O ano é 2020 e as pessoas ainda estão julgando cast pela aparência. Sim, meus senhores. Parece fake news mas, é a mais pura verdade.


Quando a imagem que ilustra nossa matéria foi divulgada na internet na semana passada os fãs de Gossip Girl ficaram divididos entre amar e odiar o elenco, mas o que chama a atenção é que as críticas ao elenco se resumiam a "Achei eles feios" "Não tem a essência de Gossip Girl".

Mas, qual é a essência de Gossip Girl? Um seriado sobre adolescentes ricos que criavam os próprios problemas perdidos demais na própria bolha para se preocupar com coisas além disso.

A premissa da série apesar de fútil conquistou uma gama enorme de fãs nos anos 2000 (incluindo eu mesma que vos fala) mas, o elenco tinha em sua maioria personagens brancos, padrão e sem grande representatividade.

Uma das coisas que mais me animaram para essa produção da HBO MAX foi ver que uma das preocupações do criador do reboot foi justamente corrigir a falta de representatividade de sua antecessora (falta personagem gorda? falta! mas, nem tudo é perfeito não é mesmo?)

Não houve muita representatividade na primeira vez. Portanto, agora, os personagens não serão todos brancos. Revelou Joshua Safran, escritor e produtor da primeira fase do reboot.

Quem será a Queen B?

A protagonista será Audrey uma jovem que está vivendo o dilema de saber o que quer da vida: seguir com seu relacionamento sério ou experimentar coisas novas?

Ainda vai ser sobre um bando de gente rica com white people problems?

Sim, e não.  O que foi liberado até agora é que a série vai sim trazer jovens ricos, mas por uma nova ótica. Incluindo até essa febre das redes sociais (quem mais tá curioso pra ver a GG agora com tanta tecnologia? heheh)

Quando vamos poder assistir?

Ao que tudo indica (a salvo se o covid atrapalhar) a série está prevista para o primeiro semestre de 2021. E será do serviço de streaming da dona Warner Media, o HBO MAX (que ainda não chegou no Brasil).

Não temos nenhuma informação sobre a HBO do Brasil ou da Warner sobre a sua exibição em terras brazucas.