Filme "After" vale o ingresso?

Imagem

Baseado no livro (com o mesmo nome) de Anna Todd, o filme apresenta o famoso “mais do mesmo” no estilo Teen, onde temos uma garota que é apresentada como a inteligente, ingênua, que tem a vida inteira planejada pela mãe e namora com um garoto que segue o mesmo padrão citado. Quando vai para a faculdade, acaba se apaixonando por um bad boy e tem a sua vida mudada ao experimentar coisas das quais não faziam parte de seu mundo. O clichê “sessão da tarde” que já estamos acostumados a saber o desenrolar mesmo não tendo assistido.

Tessa Young (Josephine Langford) é uma garota exemplar, que acaba de entrar na faculdade e tem que aprender a se ajustar a realidade que está agora. Isso já é entendido quando a sua colega de quarto é apresentada ao telespectador, já que ela é totalmente o oposto dela. Nesse meio-tempo, Hardin (Hero Fiennes Tiffin) é introduzido ao drama, fazendo parte do grupo de amigos de Tessa, deixando de cara para quem assiste, que ele se trata do bad boy do filme. De começo eles não se dão muito bem, mas ao longo do tempo, ela percebe traços dele que não o faz tão mal assim. Mesmo ela estando namorando com outro, o filme perdura no relacionamento dos dois.


Não há surpresa ao assistir After, ele mesmo já se entrega nos primeiros 30 minutos de filme. Até mesmo para quem é amante de filmes da mesma linha, pode se sentir entediado assistindo.

algumas que parecem que foram jogadas sem finalidade alguma, principalmente quando Tessa resolve experimentar roupas e se maquiar ao estilo de sua colega de quarto. Cria toda uma expectativa de que vai ocorrer alguma mudança interessante no enredo, porém a cena é cortada e já muda para ela simplesmente tirando a maquiagem. Uma cena na qual não teve muita finalidade.

O Bad Boy é um tanto morno. Ele é jogado como um cara que faz as coisas sem pensar, que não há regras, mas acaba sendo bem fraco em comparação a outros Bad Boys de filmes parecidos. É apresentado um motivo familiar em relação a ele que tinha de tudo para dar uma “acordada” no drama, mas acontece a mesma coisa que na cena de Tessa. Algo que não foi necessário para o desenrolar do filme, só para aumentar o tempo do filme.

Com um mar de expectativas criadas a partir de algumas cenas, que por fim, foram sem sentido, After se apresenta sendo um filme perdido, com confusão cronológica (onde não sabíamos se as cenas eram no mesmo dia ou se tinha passado uma semana) e personagens que não atraem.

Nota: 2,5/5
Estreia: 11/04
Distribuição: Diamond Films